Quando as pessoas não gostam de Harry Potter


Uma das coisas que aprendi cedo é que nem todo mundo vai gostar de Harry Potter. Até porque, acreditem ou não, eu também nem sempre tive pela série o amor que tenho hoje. Muitos vão achar chato, cansativo, até mal escrito. Quem somos nós para julgar.

Tem aqueles que farão coro ao afirmar que Harry Potter é só mais uma cópia sem graça de Senhor dos Anéis. Irão comprar os Oscars, atores e fundamentos de cada história. Dobby é Smeagol, Harry é Frodo, Dumbledore é Galdalf e por aí vai.

Nem todos vão compreender o que existe de tão especial em um menino de 11 anos que descobre que é um bruxo e é tirado da casa dos tios, que sempre o trataram mal, para estudar na melhor escola de magia do mundo bruxo.

Vá por mim, não insista. A maioria vai negar beleza na essência de ver um menininho que nunca teve nada desenhar um bolo de aniversário no chão e aguardar ansiosamente o momento de completar mais um ano. Ali, sozinho e sem ganhar sequer um presente dos tios, ao passo que o primo ganhou 36 dias antes.

Ou negar sua natureza simples ao rejeitar o filhinho de papai e fazer amizade com aquele que tem uma família gigantesca e sem muitos recursos financeiros. Nem todos vão perceber a importância da amizade entre Harry, Rony e Hermione. O amor da senhora Weasley pelo garoto que nem mesmo era seu filho.

É difícil entender porque uma coisa que é tão importante para nós, pode não fazer diferença nenhuma para outras pessoas. Como um livro e um filme que literalmente mudou nossas vidas, tenha tão pouco significado para aqueles que ainda não conheceram esse mundo inteiramente mágico.

Se você faz parte do grupo de pessoas que não gostam de Harry Potter, tudo bem. Eu também não gosto de muitas coisas que você provavelmente ama. Game of Thrones, por exemplo. Mas vou dizer uma coisa que provavelmente já se cansou de escutar: Você não sabe o que está perdendo.

A verdade é que, se for parar para pensar bem, nem você e nem eu sabemos explicar porque é tão importante assim. Ou o que nos faz estremecer a cada nova notícia, pronunciamento dos atores e a cada novidade divulgada por J.K Rowling. Faz nosso coração disparar ao ouvir o som de Leaving Hogwarts ou qualquer outra música da trilha sonora.

Só podemos agradecer por, em um universo com 7 bilhões de pessoas, termos sido escolhidos para conhecer, compreender e amar Harry Potter incondicionalmente. E saber, é claro, que isso faz toda a diferença em quem somos hoje.


4 Responses



  1. "Só podemos agradecer por, em um universo com 7 bilhões de pessoas, termos sido escolhidos para conhecer, compreender e amar Harry Potter incondicionalmente. E saber, é claro, que isso faz toda a diferença em quem somos hoje."


    Li Harry Potter na adolescência e me ajudou a lidar com tanta coisa em minha vida. Um pouco que formou meu caráter, saber? Para mim todas as pessoas deveriam ler a saga e aprender um pouco sobre. Já consegui convencer duas ou três, espero convencer mais. ^^