Animais Fantásticos: Detalhes das continuações são revelados


Desde a estreia de 'Animais Fantásticos e Onde Habitam' nos cinemas, na última quinta-feira (17), muitos fãs da saga Harry Potter tem criado teorias sobre o rumo da história dos próximos quatro filmes. 

A criadora do universo mágico e roteirista J. K. Rowling, ao lado do diretor David Yates e do produtor David Heyman, revelou alguns detalhes para os fãs na última semana. 

Um dos principais questionamento tem sido acerca dos títulos dos próximos quatro filmes e o protagonista Eddie Redmayne (Newt Scamander) informou, durante um papo com o elenco na Apple Store em Nova Iorque, que as nomeações devem seguir os moldes de Harry Potter, sempre contendo um subtítulo após "Animais Fantásticos".

Descontraídos, os atores chegaram a dar sugestões de nome para os próximos filmes. Eza Miller (Credence) chutou "Outros Lugares em que Habitam Animais Fantásticos" e o cômico Dan Fogler (Jacob) arriscou "Animais Fantásticos e...opa! Esquecemos um?"

Quanto às continuações, o diretor David Yates já revelou que o segundo filme se passará na primavera/verão de 1928, em Paris, havendo algumas cenas gravadas na Inglaterra. Ele disse também que a pré-produção já começou e as filmagens devem ter início em julho do ano que vem. 

O próximo filme é como se fosse um sonho. É bastante sombrio, interessante e lírico, e muito diferente do primeiro. É uma prova de que a Jo não está se repetindo como roteirista. Ela está estendendo para algo que parece muito mais diferente, na verdade.



Sobre o primeiro filme:

J. K. Rowling utilizou seu perfil pessoal no twitter para responder algumas perguntas dos fãs. A primeira dúvida que surgiu foi sobre a cena inicial do filme, em que aparece o magizoologista Newt Scamander viajando até Nova Iorque em um navio ao invés de aparatar. A roteirista foi segura na resposta: 

Há um limite para o quanto você pode aparatar. Aparatação intercontinental é muito perigosa!

Seguidores também perguntaram porque o personagem não foi vistoriado por uma alfândega bruxa, mas sim por uma Não-Maj (ou trouxa, como estamos acostumados a dizer). 

Newt passou pela alfândega não-maj porque os bruxos não seriam enganados tão facilmente. Transportar aquelas criaturas era ilegal.

Rowling também respondeu a críticas sobre personagens como Tina Goldstein (Katherine Waterston). Um de seus seguidores lhe escreveu que adorou "Tinaaaaaaarghh" e que ela era legal perto de Newt. Ao que a roteirista disse: ela sempre é adorável, apenas teve uma vida difícil e, sim, vocês verão muito mais dela na história.


Alerta de Spoiler!



David Yates e David Heyman também contaram sobre as cenas que acabaram sendo deletadas do filme original, veja uma compilação delas abaixo: 

  1. A primeira dessas cenas é logo do início do filme: Jacob (Dan Fogler) é dispensado por sua namorada depois dos acontecimentos no banco
  2.  Na segunda, o magizoologista Newt Scamander aparece sem camisa para exibir suas cicatrizes e marcas de mordidas como resultado de sua expedição mágica mundial. De acordo com declarações da equipe técnica, a cena não ficou no filme porque não encaixava muito bem no enredo.
  3. A terceira cena, cujo trecho esteve até em um trailer e em vários comerciais de TV sobre o filme, continha a citação icônica de Jacob, “Eu quero ser um bruxo”, enquanto bate palmas maravilhado do lado de Newt. Posteriormente, descobrimos que ela acontece logo depois de uma cena musical em que Queenie e Tina cantam uma música sobre a escola onde foram educadas, Ilvermorny. A música, inclusive, foi escrita por J.K. Rowling em parceria com Alison Sudol, intérprete da legilimente.
  4. A última dessas cenas também esteve em trailers. Trata-se da cena em que o Newt tenta acalmar os oficiais: “Não entrem em pânico. Não há razão para vocês se preocuparem”. A cena foi excluída porque não combinava com o tom da sequência.







1 Response
  1. Adorei! Estou ansiosa para o próximo filme. Enquanto isso, vou fragmentar o máximo possível desse novo enredo.