O que aprendi lendo Harry Potter

 


Lendo Harry Potter, aprendi sobre a importância de cultivar uma amizade. Sobre como é bom ter com quem contar nas horas difíceis e como a vida se torna mais divertida quando temos amigos. A amizade é um relacionamento e relacionar-se é refazer laços todos os dias, o que pode ser difícil. Compreender o outro, colocar-se no seu lugar, aceitar seus limites, os seus defeitos e sentir amor mesmo quando discordamos. Muito se fala sobre isso, mas na prática podemos cometer deslizes. Muito se fala também sobre como devemos nos relacionar, sobre como devemos ser, o que podemos dizer ou fazer e no meio de tantas regras de convivência esquecemos do fundamental que é  expressar nosso amor em sua singularidade e totalidade.
         Os relacionamentos são nossos espelhos, enxergamos nosso melhor e o nosso pior. O que tentamos mudar no outro é o que tentamos mudar em nós. Hermione, com sua disciplina e dedicação não suporta os momentos em que Rony é desinteressado ou  preguiçoso. Ela enxerga nele uma parte sua, que também é preguiçosa e desinteressada e faz força para aparecer, enquanto ela resiste o outro se torna a única maneira dessa parte existir. Esse conflito interno gera irritação, intolerância e torna difícil o re-enlaçar, o re-lacionar.
        Rony por sua vez, enxerga em Harry todo o potencial que existe dentro de si mesmo e que não expõe por sua indisciplina e suas crenças. Em alguns momentos, ele inveja Harry, ele gostaria de expressar os seus talentos como o amigo expressa. Mas ele aprendeu que sentir inveja é ruim e então reprime esse sentimento, mas a parte dele que é talentosa e quer existir continua fazendo força, logo ele briga com o amigo, deixando toda essa tensão ser libertada.
        Nas minhas interpretações, é desta maneira que as dificuldades surgem, a partir de algo que não reconhecemos em nós. E quanto mais resistimos mais essa parte se empodera, virando um grande cabo de guerra. Para mim, relacionar-se é uma grande aprendizagem e aprendemos mais sobre nós do que sobre os outros. Aprendemos a aceitar as nossas limitações, a nos compreender e nos amar mesmo quando discordamos. Harry Potter me ensinou sobre relacionamentos e me fez desejar ter amigos como Rony e Hermione, não só pelas suas virtudes, mas pelos seus defeitos e tudo que despertam em mim.


0 Responses